França vence, se classifica e elimina o Peru

França e Peru entraram em campo para completar a segunda rodada do Grupo C da Copa do Mundo às 12h (horário de Brasília) desta quinta-feira (21). O jogo de hoje, em Ecaterimburgo, teve um gosto especial para o goleiro Lloris. É sua centésima partida pela seleção francesa. “Estou muito orgulhoso. Sempre tento dar o melhor de mim e estarei 100% envolvido não importa o que aconteça”, disse ele ontem (20).

O futebol ainda não foi de uma favorita ao título, mas a França está nas oitavas de final da Copa do Mundo. Bem no primeiro tempo e irregulares no segundo, os franceses eliminaram a seleção peruana com a vitória por 1 a 0, nesta quinta-feira, em Ecaterimburgo, pela segunda rodada do Grupo C da Copa do Mundo. A jovem estrela Mbappé marcou aos 33 da etapa inicial e garantiu a vaga.

Os peruanos lutaram bastante para ao menos empatar e seguirem vivos, mas não conseguiram evitar a derrota. Discreto no ataque, Guerrero perdeu a bola para Pogba no início do lance do gol. Cueva e Trauco apareceram muito pouco na partida.

Com seis pontos, a França joga por um empate contra a Dinamarca, terça, às 11h (de Brasília), em Moscou, para ficar com o primeiro lugar da chave. O adversário sairá do Grupo D (Argentina, Croácia, Islândia ou Nigéria). Dinamarqueses, com quatro, e australianos, com um, brigam pela segunda vaga. O Peru está com zero e se despede do torneio diante da Austrália, no mesmo dia e horário, em Sochi.

Mbappé fez nesta quinta-feira seu primeiro gol em Copas do Mundo e passou a ser o jogador mais jovem da história da França a marcar na competição, superando Trezeguet. A maior revelação do futebol francês nos últimos anos está em seu primeiro Mundial aos 19 anos. Ele é, além de o francês mais jovem a marcar em uma Copa, o mais jovem a disputar o torneio pelo país e o mais novo do atual elenco.

Escalações

França: Lloris; Pavard, Varane, Umtiti e Lucas Hernández; Pogba (N’Zonzi), Kanté e Matuidi; Griezmann (Fekir), Giroud e Mbappé (Dembélé). Técnico: Didier Deschamps.

Peru: Gallese; Advíncula, Ramos, Rodríguez (Santamaría) e Trauco; Aquino, Yotún (Farfán), Carrillo, Flores e Cueva; Paolo Guerrero. Técnico: Ricardo Gareca. 

*GE

Conteúdo Relacionado